Booking.com

Virada Sustentável Rio anuncia programação da edição 2019

Meditação no Pão de Açúcar, um palco liderado por mulheres no Circo Voador e o Fórum Virada Sustentável são algumas das atrações entre as mais de 400 atividades gratuitas que acontecerão em aproximadamente 30 bairros da cidade, de 17 a 20 de outubro de 2019.

A Virada Sustentável tem o propósito de aumentar o engajamento da sociedade em relação à sustentabilidade, unindo causas e organizações transformadoras. A programação é repleta de atividades culturais, exposições de artes visuais, shows musicais, oficinas, performances, atividades infantis, rodas de conversa e painéis de debate com temática ambiental, social e econômica. O eixo da programação são os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU.

“O espírito da Virada Sustentável é fortalecer a rede de sustentabilidade. Hoje temos vários exemplos de patrocinadores que conheceram projetos durante a Virada, e de organizações que se conheceram no nosso festival e agora realizam projetos juntos. São várias as possibilidades de conexão e sinergia para a construção de uma cidade melhor para todos, e esse é o nosso melhor legado”, disse Renato Saraiva, diretor da Virada Sustentável no Rio de Janeiro.

Meditação nas Alturas | Bondinho Pão de Açúcar

No dia 17 de outubro (quinta-feira), às 7h, a Virada Sustentável começa no Bondinho Pão de Açúcar com uma grande atividade de meditação em um dos cenários mais inspiradores do Rio. E nos outros quatro dias de festival, estão programadas mais de cem atividades de saúde e bem-estar espalhados pela cidade como yoga restaurativa, constelação familiar, reiki, entre outras.

Palco Delas | Circo Voador

Uma noite comandada por mulheres no Circo Voador será um dos pontos altos da terceira edição da Virada Sustentável no Rio. A cirandeira mais famosa do mundo, Lia de Itamaracá, fará um encontro memorável com o Jongo da Serrinha. Também se apresentam a emblemática banda As Bahias e a Cozinha Mineira e o grupo lúdico e poético Slam das Minas RJ. A Feira Crespa marca presença com venda de artigos produzidos por empreendedoras e militantes da beleza negra. A programação no Circo Voador acontece no dia 17 de outubro, a partir das 19h.

Fórum Virada Sustentável | Casa Firjan

Nos dias 18 e 19 de outubro, o Fórum Virada Sustentável ocupa dois espaços da Casa Firjan: o Auditório e o Lab Cocriação. Cerca de 1500 pessoas são esperadas para debater questões sociais, econômicas e ambientais. Serão quase vinte painéis com especialistas em diversos temas, todos relacionados aos ODS. Amazônia, mudanças climáticas, segurança pública, educação, alimentação e fome zero, diversidade e equidade são alguns temas de exposição de ideias e debates.

Parque Lage e Sesc Tijuca

Arte, cultura, educação, promoção de saúde e bem-estar, ação e conhecimento são as bases das centenas de atividades que acontecem nos dias 18, 19 e 20 nestes dois endereços. No Parque Lage serão 11 espaços com atividades da Virada Sustentável, já o Sesc Tijuca reservou 9 locais para abrigar atividades, entre salas fechadas e espaços ao ar livre.

Alcance territorial

A Virada Sustentável tem o propósito de promover uma grande mobilização comunitária para a construção de uma sociedade mais justa, inclusiva e sustentável, por isso uma das características do festival é a realização de atividades em comunidades e bairros em todas as zonas da cidade. Esse objetivo é alcançado por meio da articulação e parceria com diversas organizações e coletivos sociais. Neste ano, a Virada Sustentável alcança mais de 30 bairros, de Sepetiba e Campo Grande, na zona oeste, a Ramos e Madureira, na zona norte, além das cidades de Niterói, São Gonçalo, Nova Iguaçu, Duque de Caxias e São João do Meriti.

Sobre a Virada Sustentável

A Virada Sustentável é um movimento de mobilização e educação para a sustentabilidade por meio do maior festival cultural sobre o tema do Brasil. A primeira edição no país aconteceu em 2011, em São Paulo. Hoje o festival já está em mais cinco cidades: Rio, Porto Alegre, Salvador, Fortaleza e Manaus.

O festival, idealizado por André Palhano e Mariana Amaral, envolve articulação e participação direta de organizações da sociedade civil, órgãos públicos, coletivos de cultura, movimentos sociais, equipamentos culturais, empresas, escolas e universidades, entre outros, com o objetivo de apresentar uma visão positiva e inspiradora sobre a sustentabilidade e seus diferentes temas para a população, além de reforçar as redes de transformação e impacto social existentes nas diferentes cidades.

A programação já está disponível no site  www.viradasustentavel.org.br

Fonte: Palavra – assessoria de imprensa.