Booking.com

O que fazer em Jaipur, Índia

O que fazer em Jaipur? A capital do Rajastão é caótica, mas ao mesmo tempo preserva antigas fortalezas, palácios e monumentos. Jaipur também é conhecida como “Pink City”, já que em 1876 a cidade antiga foi toda pintada de rosa para receber o Príncipe de Walles. É parte do “Triângulo Dourado” para muitos que vêm à Índia por uma semana e fazem a rota Nova Delhi-Agra-Jaipur (ou o contrário) ou para quem está começando/ terminando uma viagem pelo Rajastão, como foi o nosso caso.

A cidade tem uma infinidade de coisas para fazer: visitar monumentos, palácios, museus, fazer compras, provar as delícias da gastronomia indiana ou até mesmo não fazer nada e apenas viver e ser parte do cotidiano dos indianos. Foi lá que nos metemos nas ruas residenciais, onde entramos em uma vila para dançar com um grupo de mulheres, onde encontramos em um templo com uma batucada que parecia samba e que conhecemos um motorista de auto-rickshaw que fez a nossa passagem pela cidade mais especial ainda, o querido Rafik.

Nesse post conto o que fizemos na cidade  no nosso 9° dia na Índia e na tarde do dia anterior, mas há muito mais, como o City Palace, o Central Museum, o Tiger Fort, além de tours personalizados e outros lugares por descobrir, já que estamos falando da capital do Rajastão, certo?

1- Tomar o lassi do Lassiwala original

o-que-fazer-em-jaipur

O lassi é uma bebida de iogurte geladinha e deliciosa que os indianos costumam tomar pela manhã. Nosso motorista nos levou ao lugar original, onde ele mesmo compra e coincidentemente é o lugar que o Lonely Planet também recomenda. A bebida vem em um copo de barro, que fica para você. Foi uma experiência descer e entrar no meio dos indianos, com o braço levantado mostrando o dinheiro e pedir. Não fique com medo do preparo, já que nós tomamos por dois dias e não aconteceu nada!

O Lassiwala abre às 7:30 e fecha quando acaba o estoque, portanto, vá cedinho!

Endereço:Shop 312, Ml Road

2 – Café da manhã no Indian Coffee House

o-que-fazer-em-jaipur

Um café antigo, também localizado na Ml Road, dentro de uma vilinha. Mantém a decoração original, com uma sala que tem uma plaquinha que diz: “Ladies & Families”. O Rafik, nosso guia, nos disse que até hoje alguns casais ficam nesse espaço para não serem tão observados. O cardápio tem opções locais e ocidentais. Sugiro muito o omelete com queijo e tomate que já acompanha o pãozinho tostado e a batida de banana, delicoso!

3 – Perder-se pelos bazares e a cidade antiga

o-que-fazer-em-jaipur

A cidade antiga tem 7 portões e quatro bazares importantes: Johari, Tripolia, Bapu e Chandpol. Íamos andando e perguntando aos vendedores em qual estávamos. Observávamos áreas onde só se comercializavam utensílios de cozinha, só roupas ou até mesmo um bazaar original só com tecidos e acessórios para o sairee, foi incrível ver todas aquelas mulheres conversando entre si para decidir qual o tecido mais bonito. Essa parte do bazaar de tecidos está do lado da mesquita ;).

Reserve algumas horas para visitar essa parte da cidade e observar um pouco o ritmo dela. Vendedores te oferecendo tudo a todo momento, crianças sorridentes e curiosas, motoristas de rickshaws simpáticos, locais fazendo compras e comendo, vacas, cachorros… tudo isso no meio do trânsito e das buzinas típicas. Obviamente, vá quando estiver bem e preparada para o agito da cidade.

4- Visitar o Hawa Mahal

o-que-fazer-em-jaipur

o-que-fazer-em-jaipur

Eu jurei que o monumento mais conhecido de Jaipur estava localizado de frente para um lago, ou algo assim. Que nada! Está em uma avenida caótica e tinha tanto motorista, gente falando que foi difícil tirar uma foto decente. O monumento foi construído em 1799 para que as mulheres da família real pudessem ver a vida fora do monumento e as procissões. Há diversas janelinhas que têm vista direta para a rua em frente. Para entrar no Hawa Mahal, é preciso entrar em uma rua ao lado do monumento, sugiro perguntar na rua mesmo, caso não tenha um guia.

5 – Jantar Mantar

o-que-fazer-em-jaipur

Um observatório que começou em 1728. Fomos sem um guia específico para esse monumento e ficamos meio perdidos entre tanto instrumentos, já que cada um deles tinha uma utilidade e funcionava de uma maneira. Mesmo assim, é um ponto turístico importante na cidade.

6 – Royal Gaitor

o-que-fazer-em-jaipur

O lugar mais calmo de todos alberga os cenotáfios (sepulcros vazios) da antiga realeza de Jaipur. O monumento se divide em três partes, onde a última tem os monumentos mais impressionantes, que guarda o cenotáfio de Maharaja Jai Singh II. Como os monumentos são de mármore, o lugar é fresquinho, é ideal para sentar na sombra, conversar e admirar o entorno, que tem vista para as escadas que levam até o Tiger Fort.

7- Descubra o Forte de Amber

o-que-fazer-em-jaipur

o-que-fazer-em-jaipur

Outro ponto conhecido, não está exatamente dentro da cidade de Jaipur, mas sim a 11 km. Fizemos a subida até o forte desde a estrada em 15-20 minutos, já que o sol estava forte e as paradas eram necessárias. Muitas pessoas sobem de elefante, mas sinceramente, não acho que seja o ambiente nem a condição ideal para esses animais. O Rafik nos deixou na estrada e subimos a pé mesmo, sem problemas. O forte foi a construção mais bonita que eu vi na cidade, com templos, galerias, salas e jardins para serem explorados. Reserve como mínimo 2 horas para ver uma parte dele com calma.

8 – Four Seasons

Não falo da maravilhosa rede de hotéis conhecidas mundialmente, mas sim, de um restaurante bem conhecido entre os locais que serve comida vegetariana das boas. O nosso guia nos levou para jantar lá e podemos dizer que foi o melhor Naan (tipo de pão) até agora na Índia. O arroz com espinafre também estava saboroso.

Preço médio dos pratos principais: 200-350 rúpias

Endereço: D-43, A2, Subhash Marg, Jaipur, Rajasthan 302001, Índia

9 – The Peacock

Um restaurante no alto do Hotel The Pearl, com ótimo ambiente e uma comida maravilhosa. Foi o único lugar na índia que comi carne vermelha.  Não tirei fotos em nenhum dos dois restaurantes porque estava no meu momento relax :).

Preço médio dos pratos principais: 200-350 rúpias

Endereço: Hari Kishan Somani Marg, Hathroi Fort, Jaipur, rajasthan 302001, Índia

  10 – Massagem no Kerala Ayurveda

Depois de tanto andar, é bom dar um mimo pro corpo. As massagens do Kerala são populares na cidade. É meio estranho ter que ficar completamente nua, mas a massagem completa com óleos. Valor: 700 rúpias (aproximadamente R$27,00)

Endereço: F-34,Azad Marg- Jamnalal Bajajmarg, Near Raj Mahal Place

Para ver todos os posts do diário de viagem, é só clicar aqui: http://voucontigo.com.br/index.php/category/asia-2/india-2/