Booking.com

O que fazer em Hanói:um Walking Tour pelo Famoso Old Quarter

Buzinas, motos com uma, duas, três pessoas, galos, gatos pelas ruas, chapéus, prédios escuros, becos com bares antigos, cafés antigos, edifícios caindo aos pedaços, comida de rua, crianças sorrindo. Tudo isso em uma fração de hora, tudo junto, no mesmo lugar. Isso é o Old Quarter, em Hanói. A poluição sonora e visual assustam à primeira vista, mas depois encantam e, reduzindo o ritmo, encontramos algumas jóias pelo caminho. Dessa vez, ao invés de sair sem mapa, decidi sair com mapa em mãos e rota definida, um Walking Tour pelo famoso Old Quarter, formado por 36 ruas que mantêm os edifícios históricos. Tentei seguir a rota, mas confesso: as ruas do Old Quarter são como um labirinto para mim e demorei mais de 3 horas para fazer metade dos pontos dela no primeiro dia. No dia seguinte, vi que estava tudo super perto e poderia ter feito em 1 hora, mas sou bem perdida mesmo. A decisão de sair com uma rota definida tem uma razão: com tantos elementos ao alcance dos olhos, fica difícil entender quais edifícios e locais foram parte importante da história e se perder e descobrir ao mesmo tempo dá aquele gostinho feliz a cada “achei!” que gritávamos um para o outro.

Bem, vamos lá!

1- Lago Hoan Kiem

O tour começa por um dos grandes pontos turísticos da cidade, o lago Hoan Kiem, que é frequentado por locais e turistas e é um dos pontos da cidade onde você se sentirá em paz. Além disso, é onde está localizada a famosa ponte vermelha que é o cartão postal da cidade e conecta o rio ao templo Ngcoc Son, que foi construído em memória do General Tran Hung Dao, que venceu os mongóis no século XIII.

o-que-fazer-em-hanoi

o-que-fazer-em-hanoi

Saia do templo e siga direto até chegar na…

2. Hang Gai Street (Hemp St.) 

A Han Gai é uma rua agitadíssima, cheia de lojas de roupa, seda e galerias de arte que expõem obras de artistas vietnamitas modernos. Antigamente, no século IX, a rua era dominada por hemp outlets, lojas que vendiam produtos relacionados à maconha, além de livrarias e lojas de impressão.

o-que-fazer-em-hanoi

Fomos até lá para ver uma figueira antiga, localizada ao lado de uma antiga casa comunal que atualmente é um pequeno templo que cheira a incenso e tem como oferendas latas de cerveja, mas tem seu charme. Aí você me pergunta: “poxa Ludmy, mas pra ver uma figueira?” Pois sim. Uma prova de fortaleza e adaptação apesar de todas as mudanças, construções e agressões.

o-que-fazer-em-hanoi

o-que-fazer-em-hanoi

3. Beco Tam Thuong 

Demos voltas para encontrar o beco Tam Thuong, mas ele nos levou a uma das partes que mais adoramos no Old Quarter.  Depois da árvore, andamos mais duas ruas e viramos à direita, na Hàng Mành; andamos com atenção quase até o finalzinho da rua, onde você vimos um beco à esquerda.

o-que-fazer-em-hanoi

o-que-fazer-em-hanoi

Entramos no beco, viramos à esquerda novamente e encontramos uma casa de madeira, a casa comunal Yen Thai, que servia de entrada para um pátio. Infelizmente estava fechado, mas valeu à pena passar pela casa comunal. O beco termina na rua Yen Thai, onde viramos à direita, andamos até o final e entramos na rua Hang Da.

4. Hang Da Market

Na esquina da rua Yen Thai com a Hang Da você encontrará o shopping Hang Da; antigamente era um grande mercado, com bancas de verduras, frutas e presentes, tudo junto e misturado. Hoje em dia, o antigo prédio foi reformado e transformado em um shopping. A mudança é tão recente que há muitos locais vazios, mas encontramos um outlet da Zara no andar térreo, lojas de roupas, malas, acessórios para telefone e um café super recomendável no segundo andar, o Avem, com vista para o teatro e a rotatória agitada.

o-que-fazer-em-hanoi

o-que-fazer-em-hanoi

o-que-fazer-em-hanoi

Após o break pro café, recomendamos que você saia do shopping e atravesse a rua e entre no beco que une a Hang Da & Han Dieu.

5. Hang Dieu Street

o-que-fazer-em-hanoi

Foi um dos lugares mais originais que nós encontramos; o beco se chama Hang Dieu, mas saindo dele, à direita, é a Rua Hang Dieu oficial. Essa área antigamente era dominada por vendedores de tabaco e cachimbos. Hoje é habitado por locais, que vivem entre bares, lojas de verduras, hotéis e lojas. Passamos por um bar de senhores vietnamitas tomando uma cerveja muito simpáticos, que até nos convidaram para tomar algo. Sem dúvidas foi um dos pontos altos da rota.

o-que-fazer-em-hanoi

o-que-fazer-em-hanoi

Faça uma parada obrigatória no número 67, em um lugar chamado Bun Bo Nam Bo, segundo o guia Frommer´s, é um dos noodles mais populares da cidade.

Continue na Hang Dieu e vire à direita na:

6. Bat Dan Street

Antigamente, esta rua era povoada por vendedores de panelas e tigelas de barro que eram produzidas nas margens do Rio Vermelho. Hoje, a rua já foi dominada pelo comércio típico e intenso de Hanói, mas ainda possui uma casa comunal que a colore, no número 33. Ela estava fechada quando chegamos , mas valeu à pena conhecê-la e tirar uma foto.

o-que-fazer-em-hanoi

Passamos a casa e vire a primeira à esquerda, na:

7. Hang Phen Street

o-que-fazer-em-hanoi

Segundo o guia, no final da Han Phen com a Bat Su, no número 52, há uma casa antiga preservada e caracterizada pelo seu teto baixo. Quem disse que a encontramos? Se você encontrar a tal casa algum dia, por favor, comente neste post!

o-que-fazer-em-hanoi

Continue pela rua Hang Phen até chegar a um cruzamento em que ela se transforma em Cua Dong Street, onde está a parte oriental do muro da cidade de Hanói. Depois de encontrar o muro, vire a direita na:

8. Phung Hung Street

Ao longo do muro que cercava a cidade antiga, se encontra a rua Phung Hung Street; siga até o número 105, que é conhecido pelos turistas por haver sido o escritório de um importante jornal comunista.

o-que-fazer-em-hanoi

o-que-fazer-em-hanoi

Há uma placa que indica que o local é histórico, já que você verá muitos prédios e casas antigas nessa rua.

o-que-fazer-em-hanoi

Passando o número 105 da Phung Hung, vire à direita na:

9. Hang Vai

Hang Vai é o distrito do bambu e você vai perceber isso assim que entrar nela, já que algumas casas e lojas têm a sua entrada coberta de varas de bambu que superam os três metros de altura. Os bambus servem para fazer andaimes para construção ou até mesmo de cachimbos, que são vendidos em algumas lojas.

o-que-fazer-em-hanoi

Na esquina da Hang Vai você verá outra casa comunal, na esquina com a rua Hang Ga, no número 16D; essa casa tem um quintal com figueiras e um pequeno templo, foi um dos que eu mais gostei.

o-que-fazer-em-hanoi

Decidimos terminar a nossa rota nessa última casa comunal, já que estávamos andando por horas. Foi ótimo para ver e sentir um pouco da história de Hanói e conhecer melhor o famoso Old Quarter.

Encontramos essa rota no site da Frommers, você pode ver ela completa aqui . E para quem se animar (e eu recomendo), alguma alma encarecida passou a rota pro Google Maps:

Aproveite! 😉