Booking.com

O que fazer em Cunha:um roteiro para o fim de semana

Personalidade. Essa é uma palavra que passou pela minha cabeça muitas vezes durante as 36 horas que passamos em Cunha, um município no interior Paulista, localizado estrategicamente a 227 km de São Paulo, 45 km de Paraty e 300 km do Rio. A cidade é famosa pelos ateliês de cerâmica, pelas suas cachoeiras, área verde e mais recentemente, pelo Lavandário.

Além disso, Cunha faz parte da Estrada Real, uma rota que pode ser descoberta seja a pé, de bicicleta ou de carro e passa por 86 cidades entre Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro. O roteiro foi criado pelos portugueses para transportar o ouro e diamantes de Minas Gerais (Ouro Preto) até Paraty (RJ).

Diferentemente de outras cidades turísticas, cada atração, loja, restaurante ou pousada tinha uma identidade, uma personalidade e se diferenciavam uns dos outros. Nada daquelas lojinhas de souvernirs com as mesmas lembranças, nem de hotéis de grandes redes. Cada negócio na cidade foi idealizado e é gerenciado por pessoas que vivem em Cunha e colocam um pouco de si naquilo que fazem, e isso a transforma em uma cidade diferente.

Nós traçamos um roteiro para que você saiba o que fazer em Cunha em um fim de semana, parecido ao que nós fizemos. Voltaremos para passar mais dias lá, mas esse roteiro é ideal para uma escapada em um fim de semana ou feriado para desconectar:

Ateliês

o que fazer em cunha

Ao botar os meus pés em Cunha, constatei o que já havia lido: a cidade é reconhecida como o maior núcleo de cerâmica de alta temperatura da América do Sul; o forno Noborigama, utilizado para a queima da cerâmica, foi trazido do Japão e introduzido em Cunha em 1975; para vocês terem uma ideia, entre os cerca de vinte Noborigamas existentes no país, cinco estão em plena atividade na cidade. A cidade conta com mais de 30 ateliês, e a nossa manhã foi dedicada a passear por alguns deles, falando com os artistas e moradores e decidindo quais peças levaríamos para casa. Para mim foi um desafio não comprar uma peça por ateliê (e você vai entender o porquê ao ver as fotos).

Dos que visitamos, esses foram os nossos favoritos:

Gallery Tokai

O Marcelo Tokai e a sua mulher, são os artistas por trás desse ateliê aconchegante e lindo. Fomos recebidos com muita atenção e chegamos a tomar um café preparado pelo próprio Marcelo enquanto ele nos contava a razão que o trouxe a Cunha – por ser um dos maiores centros de cerâmica do país – falou da sua formação no Brasil e no Japão e das suas referências.

o que fazer em cunha

As peças criadas e expostas no ateliê são verdadeiras obras de arte, com detalhes delicados e com elementos da cultura japonesa. O ambiente está em total sintonia com as peças, que se misturam com plantas, um aquário de cerâmica no centro e os objetos de decoração pessoais dos artistas.

o que fazer em cunha

Endereço: Rua Gerônimo Mariano Leite, 350. Bairro: Vila Rica, Cunha – SP.

Telefone: (12) 3111-1831 / 98176-0700

Email para contato: ateliertokai@gmail.com

JC Carvalho

As peças de cerâmica de Carvalho são criativas, uma mescla de texturas, formas e cores, verdadeiras obras de arte. Cada peça é única, e, segundo o artista, algumas delas podem levar de 30 a 40 dias para serem finalizadas. Nesse ateliê você encontrará diversos objetos de decoração únicos. 😉

Endereço: Rua Gerônimo Mariano Leite, 190. Bairro: Vila Rica, Cunha – SP.

Telefone: (12) 3111-2483

Email para contato: ateliertokai@gmail.com

Gaia

Peças de muito bom gosto e criativas. Os vasos de flores de cerâmica me chamaram muito a atenção pelas formas e ideia inusitadas.

o que fazer em cunha

Endereço: Rua Alcides Barbeta, 250. Bairro: Vila Rica, Cunha – SP.

Telefone: (12) 3111-3126

Email para contato: gaiaceramica@ig.com.br

Mieko e Mário

A japonesa Mieko foi uma das primeiras artistas a desembarcar na cidade na década de 70. As peças são extremamente delicadas, com tons claros, flores e texturas diferentes.

36-horas-em-cunhao que fazer em cunha

o que fazer em cunha

Endereço: Rua Jerônimo Mariano Leite, 510. Bairro: Vila Rica, Cunha – SP.

Telefone: (12) 3111-1468

Email para contato: miekoemario@uol.com.br

Espaço Aracatu

A Fazenda Aracatu fica na rodovia Cunha-Paraty na beira do asfalto pouco antes da entrada para ao bairro da Paraibuna. O espaço, logo na entrada, conta com uma lojinha decorada por objetos vintage, como garrafas de Coca-Cola antigas,  geladeiras, móveis, tapetes… tudo com muito charme.

O forte do espaço são as iguarias locais e caseiras, como geléias, verduras fresquinhas e orgânicas, shitake, queijos e doces, tudo produzido na região; o sorvete também é uma das iguarias famosas e o de Ginduia.

o que fazer em cunha

Eles têm uma varandinha com um clima delicioso, ideal pra provar as iguarias tranquilamente e com estilo.

o que fazer em cunha

Endereço: Estrada Real Cunha – Paraty, Km 56. Cunha – SP.

Telefone: (12) 99604-4796

Email para contato: fazendaaracatu@hotmail.com

O Lavandário de Cunha

Poderia ser Provence, mas é Cunha. Ideal para o fim de tarde. Entre as montanhas, árvores e o céu azul, o lilás e o azul das lavandas encantam. O lavandário de Cunha foi ideia da empresária Maria Fernanda Luis, que começou a plantação em 2008 e hoje cuida de mais de 15.000 pés.

O espaço é aberto para visitação gratuita (desde 2013) e conta com uma lojinha onde você poderá comprar óleos, buquês, sachês para o ambiente e velas, além do óleo essencial, também extraído no local, que pode ser utilizado em aplicações terapêuticas e cosméticas como banhos,compressas e massagens.

o que fazer em cunha

o que fazer em cunha

O Lavandário funciona de sexta-feira a domingo e feriados, das 10h até o pôr do sol. No mês de janeiro, o espaço abrirá as portas todos os sete dias da semana.

Endereço: Estrada Cunha – Paraty, Km 54,7. Cunha – SP.

Cachoeira do Pimenta

Acorde, tome um belo café da manhã em uma das pousadas aconchegantes de Cunha e conheça ao menos uma das cachoeiras da cidade, algumas delas parte da Rota da Estrada Real. Nós visitamos a Cachoeira do Pimenta para tomar um banho e lavar a alma antes de voltar para a cidade.

o que fazer em cunha

Centro da Cidade

Termine a rota dando uma volta pelo centro da cidade, que tem duas igrejas históricas, uma delas na Praça da Matriz, onde grande parte dos moradores da cidade se encontram.

o que fazer em cunha

Onde se hospedar em Cunha:

Nós nos hospedamos na Pousada Casa da Flor da Macela e fomos recebidos pela Márcia, como ela mesmo se descreve:“dona-de-casa, mãe e a “owner-empreendedora” na Casa da Flor da Macela.” Antes demorar em Cunha, ela trabalhava em São Paulo, mas decidiu abandonar o ritmo frenético da cidade grande para morar e cuidar da antiga casa da mãe, que hoje é essa casa com clima imtimista, com vitrais, cerâmicas de família, uma cozinha com cara de casa-de-vó e muito charme.

o que fazer em cunha

A casa é composta de  três suítes, uma sala ampla e a cozinha, onde você poderá testar novas receitas com os ingredientes frescos da horta que ela cultiva no jardim. O café da manhã é um ponto a favor, feito pela própria Márcia, com direito à geléias caseiras feita pela mãe dela e panquecas deliciosas. Ah, ponto a favor: a casa não tem wifi, o que facilita a desconexão e a convivência.

o que fazer em cunha

A pousada está localizada na estrada Paraty-Cunha Km 66. Telefone para contato: (12) 3042-0012 e (11) 99603-2090.

Para quem procura um lugar especial para uma viagem a dois, O Hotel Fazenda São Francisco e a Pousada Barra do Bie são duas opções excelentes.

Afinal, Cunha é um desses lugares que vale a pena respirar o ar puro, diminuir o ritmo e encontrar graça nas coisas mais simples.

*Viajamos a convite da Secretaria de Turismo de Cunha e da AD Comuicação & Marketing.