Booking.com

Como Chegar em Gili Islands saindo de Bali

Como chegar em Gili Islands? Essa pergunta soou na minha cabeça quando finalmente decidimos ir para lá. Quando comecei a pesquisar na internet, fiquei confusa e achei sites de compra dos tickets por 100 dólares por pessoa – uma barbaridade para uma viagem de 2-3 horas de barco e no final das contas, comprei na primeira agência de turismo que vi, um dia antes da viagem. Recomendo muito que em alta temporada (Junho, Agosto e Setembro) você tente comprar com antecedência, já que Bali e as Gili ficam completamente lotadas. Essas são as minhas dicas para quem está planejando uma viagem para as famosas Gili Islands – seja Gili Trawangan, Gili Air ou Gili Meno:

Fato 1: Existem várias empresas

Com o crescimento do turismo em Bali, a quantidade de empresas que fazem o trajeto é extensa. Nós não pesquisamos muito o nível de conforto ou o melhor barco, já que compramos de um dia para o outro, mas pelo que vimos não há uma grande diferença entre as empresas.

As mais tradicionais e seguras segundo uma local e as reviews que li é a Blue Water Express – que tem barcos saindo de Padang Bai e do outro porto, Serangan, que está no Sul da ilha e o Marina Srikandi, que é bem confiável e já foi testada por uma amiga minha. Para comprar os tickets, sugiro ir em alguma das agências de turismo em Bali ou pesquisar nos sites das empresas os pontos de compra.

Fato 2: Existem dois portos para embarque

como-chegar-em-gili-islands

Padang Bai, é o ponto de saída mais popular e com mais opções de empresas. Cheguei a ler posts para ver qual era o porto de saída mais próximo de Seminyak, mas no final das contas compramos com uma empresa chamada Wahana, que incluía a shuttle desde Seminyak até Padang Bay, um serviço comum entre todas as empresas. Se você estiver por Kuta ou Semyniak, o porto mais próximo é o de Serangan.

Fato 3: O mar

como-chegar-em-gili-islands

Algumas pessoas relataram que passaram mal. Como tudo na vida, tudo depende da maré; nós tivemos sorte e o mar estava tranquilo, mas a dica de um local foi ir e voltar pela manhã, quando o mar está mais ameno. Na volta, pela tarde, o mar estava super agitado; pra vocês terem uma ideia, fomos no segundo andar, que é aberto, e ficamos ensopados. Caso queria tomar um sol, vá de biquini e proteja as bolsas pra ficar lá em cima!

Fato 4: As Paradas

como-chegar-em-gili-islands

As Gili são formadas por 3 ilhas: Gili Trawagan, a mais popular entre os backpackers e a galera que curte uma festa; Gili Air, a segunda menor, com opções de bares e restaurantes, mas mais tranquila e Gili Meno, a mais pequena das três. Se você for pra Gili T, é simples, já que todas as empresas fazem uma parada lá. Se for pra Gili Air, pergunte se a empresa pára lá e o mesmo para Gili Meno. Isso te ajudará a economizar tempo e não ter que ir até Gili T, descer e pegar um dos barcos públicos pra Gili Air ou Gili Meno.

Não se surpreenda ao ter que descer do barco, já que é tudo bem…simples: eles colocarão uma escadinha de madeira – que não se acopla ao barco – e entre ondas e malas, você chegará até a areia ;).

Fato 5: A nossa experiência

como-chegar-em-gili-islands

Compramos o ticket em uma agência pequenininha em Seminyak. Pagamos 650 mil rupiahs ( aproximadamente 130 reais) ida e volta incluindo a shuttle que nos levou de Seminyak até o porto de Padang Bai. Comprar a ida e a volta sai mais barato e você pode deixar a volta em aberto caso não saiba que dia vai voltar. Se quiser comprar só ida, o preço é de 350 mil rupiahs (aprox 70 reais) A shuttle nos buscou às 7:15 da manhã no hotel e era limpa e normalzinha. Às 9h chegamos em Padang Bai e eles nos disseram para descer da van e subir as escadas do restaurante que estava na nossa frente; no final dele, estava a mesa do escritório da Wahana. Dei o recibo que a agência tinha me dado e eles me deram o ticket oficial de embarque, com todos os nossos dados e a volta em aberto. Para confirmar o dia da volta, é só ir a um dos escritórios deles em Gili T ou Gili Air e Lombok. O funcionario pediu que a gente descesse e pedisse aos homens que estavam com as nossas malas colocassem a tag “gili air” nas nossas malas. Com o ticket em mãos e malas em posse dos organizadores, ficamos todos em frente ao porto esperando eles gritarem a gente pro embarque. Às 9:35 isso aconteceu e como em quase todo embarque em porto no Sudeste Asiático, não foi muito organizado. O barco tinha 3 assentos de um lado e 4 de outro, bem apertadinhos e o deck para no máximo 25 pessoas se deitarem e tomarem o sol- não foi o meu caso, já que estava derretendo de calor. O barco faz a primeira parada em Senggigi, 20 minutos depois em Gili Air e 40 minutos depois na famosa Gili Trawagan.

Na volta, o embarque foi ainda mais desorganizado – vide foto abaixo. Chegamos em 2 horas e o valor do ticket incluía uma shuttle que nos levou de volta ao hotel em Semyniak. Mas eu garanto que tudo vale a pena. Conhecer Gili Islands foi um dos pontos altíssimos da nossa viagem. Enquanto preparamos o post geral das três ilhas, conheça as 6 Razões para Amar Gili Air e Descubra Gili Meno com a gente!

como-chegar-em-gili-islands