Booking.com

Gostaria de começar esse post com uma afirmação: o Marrocos sempre esteve na minha lista de destinos mais desejados e um dos que eu mais demorei a visitar, já que não queria ir sozinha (sim, às vezes tenho medo). Mas como tudo nessa vida é timing, o dia D chegou e com a companhia certa.

Sempre digo que existem várias maneiras de viajar e isso varia conforme o seu budget, o seu mood naquele momento ou a sua companhia, entre diversos outros fatores. Marrakech tem inúmeras opções de alojamento, mas no momento em que eu estava eu precisava de uns dias de descanso, conforto, sombra e água fresca e o Club Med Le Palmeraie foi ideal.

Ao chegar no aeroporto, passamos pela imigração e justo ao sair vimos um estande do Club Med e de lá fomos de van até o destino final. Pelo caminho tivemos uma pequena impressão da cidade agitada, calorosa, vermelha, comercial, exótica… e à medida que nos aproximávamos, tinhamos a certeza do que descobriríamos ao pisar no Village: era um oásis dentro do palmeiral mais antigo do país.

hotel-marrakech

Ao chegar fomos recepcionados pelo staff com o chá de hortelã que felizmente estaria presente durante toda a nossa viagem.

hotel-marrakech

hotel-marrakech

O check-in foi rápido e em 5 minutos estávamos andando pelo Club, deslumbrados com a arquitetura e o ambiente até chegar ao nosso apartamento.

hotel-marrkech

hotel-marrakech

hotel-marrakech

O apartamento estava no primeiro andar no final do Village; existem duas categorias de apartamentos: o Club e o Deluxe, o Deluxe tem terraço privativo e sala de estar, já o Club, que foi o nosso, tem o terraço aberto para os jardins e áreas comuns. Ao abrir a porta, tudo o que eu consegui ver foi a varanda iluminada pelo sol que nos esperava e a vista linda para o palmeiral.

hotel-marrakech

O quarto era todo trabalhado na decoração local, com tons de vemelho e coral, com um sofá em frente a cama e uma televisão; no corredor de entrada havia uma mesa de escritório e os armários. O banheiro era um capítulo à parte, com os mosaicos e uma iluminação ideal, além do espaço para ducha, que era deliciosa.

hotel-marrakech

hotel-marrakech

hotel-marrakech

hotel-marrakech

No quarto encontramos a programação com as atividades: escola de golfe, escola de tênis, escola de trapézio voador, fitness na piscina, pilates e atividades para crianças. Sendo bem sincera, eu ficaria uma semana somente aproveitando tudo, mas como nem tudo é perfeito, tínhamos somente 5 dias para ver a cidade e curtir o Village. Ficamos muito nas piscinas, há uma com temperatura natural, que é a principal e outra aquecida e menor e ambas contam com serviço de staff para uma água geladinha ou coquetéis que são feitos no Pacha, o bar perto da piscina principal.

hotel-marrakech

hotel-marrakech

O Pacha tem uma torre que tem uma vista imperdível em qualquer momento do dia. Escolhemos ir na hora do pôr do sol  para subir até o terraço e não nos arrependemos.

hotel-marrakech

hotel-marrakech

DSCN0241

sunset-marrakech

Além de tudo isso, o Club Med tem um serviço de all inclusive de comidas e bebidas. O restaurante principal do Village se chama La Palmeraie e possui bufês internacionais variados com inúmeros salões no melhor clima marroquino. Lá tomávamos o café da manhã, almoçávamos e jantávamos e o mais curioso e delicioso é que cada noite era dedicada a uma nacionalidade: provamos a noite da cozinha italiana, francesa e a mais esperada, a marroquina.

hotel-marrakech

hotel-marrakech

hotel-marrakech

hotel-marrakech

O terraço do restaurante é especial, rodeado por espelhos d’agua, arranjos florais e música ambiente.

hotel-marrakech

Depois dos nossos jantares e almoços sempre íamos até o bar Pacha para tomar um chá, um coquetel e dançar um pouco; há atividades recreativas pela noite também e para todas as idades.

hotel-marrakech

hotel-marrakech

hotel-marrakech

hotel-marrakech

E assim passamos 5 noites no Palmeraie graças ao convite do Club Med e podemos dizer que foi a melhor opção de hospedagem que fizemos; tudo contibuiu para que a nossa experiência fosse especial e inesquecível. O Club está um pouco afastado da Medina, mas há ônibus a cada 30 minutos que deixam você lá 😉 .

Ah, para os conectados de plantão, como eu: há internet wifi no lobby gratuitamente.

Serviço: Club Med la Palmeraie Marrakech, para maiores informações, visite o site. Também em Marrakech há outros dois villages Club Med, o Le Riad, que fica ao lado do Le Palmeraie e o La Medina, que estava em reforma. Agradecemos ao Club Med pela parceria de sempre!

Procurando Hotel em Marrakech? Pesquise os melhores preços no nosso parceiro Booking. Você reserva grátis e cancela quando quiser.